Web Rádio Show Francisco no 24 Horas no Ar

Ao Vivo Web Rádio Show Francisco

OUÇA TAMBÉM NO SEU FACEBOOK

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

BOAS FESTAS, FELIZ ANO NOVO DE 2013


SÃO OS DESEJOS DE TODA EQUIPE DO BLOG MAIS VISTO DA REGIÃO!

Prefeitos e vereadores da região tomam posse no dia 01 de Janeiro


Apesar de ser feriado, as cerimônias vão acontecer normalmente
Foto: Divulgação 
Apesar de ser feriado, as cerimônias vão acontecer normalmente
O primeiro dia do ano começa com importante manifestação política em todo região. Prefeitos e vereadores de Campos, São João da Barra, São Francisco de Itabapoana, Quissama, São Fidelis e Itaperuna vão assumir as cadeiras dos poderes Executivo e Legislativo. Em Campos, a cerimônia de posse da prefeita Rosinha Garotinho (PR), o vice Dr. Chicão (PP) e os 25 vereadores eleitos, começa às 17h, na Câmara Municipal.
Em São João da Barra, José Amaro Martins de Souza (PMDB), o Neco, o vice Alexandre Rosa, ambos do (PMDB) e os nove vereadores, participam da cerimônia na Câmara Municipal às 18h.
Em São Francisco de Itabapoana, o Pedrinho Cherene (PSC), o vice Amaro Jorge (PP) e os 13 vereadores, tomam posse às 16h, no Salão Ana Festas, em seguida às 17h, está marcado um pronunciamento oficial e posse do secretariado na sede da Prefeitura. 
Já em São Fidélis, a Solenidade de posse do prefeito Luiz Fenemê (PMDB), vice Dr. Magno Rocha e dos 15 vereadores eleitos, está marcada para às 19h30min, na Quadra de Esportes Humberto Lusitano Maia, no Centro.
Em Quissamã, uma missa em ação de graças, solicitada pelo prefeito eleito Octávio Carneiro, será celebrada na Igreja Matriz Nossa Senhora do Desterro, às 19 horas. Logo depois, todas as autoridades, familiares dos empossados e a população em geral seguem para o local da posse do prefeito, do vice Nilton Furinga (PR) e dos nove vereadores, no Museu Casa Quissamã. 
Ururau

Caixa eletrônico arrombado em agência bancária em Campos


Ação aconteceu de madrugada e bandidos fugiram sem levar dinheiro

Fotos: Carlos Grevi

Ação aconteceu de madrugada e bandidos fugiram sem levar dinheiro
Um dos caixas eletrônicos da agência do Banco Santander na Rua Treze de Maio, em Campos, foi arrombado na madrugada desta segunda-feira (31/12), porém nada foi levado. 
Segundo a Polícia Militar, criminosos ainda não identificados, teriam  entrado na agência e com um maçarico de corte, cortaram as duas chapas de aço que ficam antes do cofre do caixa eletrônico. Acredita-se que a chegada de clientes pode ter interrompido a ação dos bandidos que conseguiram fugir. 
Os bandidos deixaram para trás uma lona nas cores vermelha e prata usada para cobrir a frente da agência. A câmera direcionada para os caixas eletrônicos foi virada para teto e o sensor de presença coberto com fita crepe. 
A Polícia Militar foi acionada por volta das 6h20 da manhã desta segunda e quando chegou ao local nada mais foi encontrado. A perícia técnica foi acionada e constatou que o cofre não foi atingido, e desta forma nenhum valor levado pelos assaltantes. 
Ao lado do caixa eletrônico arrombado haviam outros cinco que nada sofreram. Segundo a PM, como ficam no canto esquerdo da agência e a parede da frente ser coberta qualquer viatura policial que passe pelo local não conseguira visualizar a ação dos bandidos. 
Funcionários do Santander só ficaram sabendo da tentativa de assalto quando chegaram para trabalhar. O sistema de câmeras será analisado pela Polícia Civil da 134ª Delegacia de Polícia, onde o caso foi registrado, para saber se alguma outra câmera capturou imagens da ação criminosa. 

Ururau

17ª VOLTA DE CICLISMO, ACONTECEU NESTE DOMINGO EM SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA RJ.



 Um sol escaldante de verão, com temperatura chegando aos 40º foi dada a largada para a 17ª Volta ao Município, iniciou às 10 horas da manhã desse último domingo do ano de 2012, uma competição de ciclismo que já virou tradição em São Francisco de Itabapoana RJ.

O vencedor da prova foi Fabiéle Mota que alcançou a 9ª vitória das 17 provas deste circuito. Ele é o campeão do ranking nacional de estrada da Confederação Brasileira, representando a Equipe de Ribeirão Preto SP.

O circuito começou com uma volta de apresentação dos atletas pela principal Avenida da cidade. A largada aconteceu no trevo das praias de Guaxindiba, Santa Clara e Gargau, com destino a Barra do Itabapoana pelo litoral e chegada pela RJ-224 no centro da cidade.

A prova de elite da 17ª Volta do Município de São Francisco de Itabapoana que reuniu os principais atletas do ciclismo do município e de cidades de várias partes do Brasil. Desta vez, deu São Francisco. 

A classificação final ficou assim: Fabiéle Mota ficou em primeiro; em segundo o seu irmão Fabiano Mota e em terceiro Izael Nunes. Leandro Magno da cidade de Campos do Goytacazes ficou em quarto lugar, vindo em seguida Wátila em 5ª; Klamir Mota em 6ª; Leonadro Rodrigues em 7ª; Antonio Carlos Junior em 8ª; Jones Mota em 9ª e em décimo Rodrigo Miranda de Campos dos Goytacazes.

Na competição de ciclismo categoria feminina, Jurlene , no centro, ficou em 1ª lugar; em 2ª chegou Kassiana  e Jéssica em 3º a esquerda.

Quando já cumpria mais da metade do circuito próximo a localidade de Vilão, o atleta de apenas 13 anos, revelação do ciclismo de São Francisco de Itabapoana Marlon Dias Mota que, inclusive, já foi destaque no Globo Esporte, acabou levando uma queda quando o ciclista que ia à sua frente, o Kralmir Mota caiu e provocou a queda de Marlon, o único que não conseguiu seguir na competição porque teve uma fratura do punho esquerdo.

O pai de Marlon Dias, Lenilson Bento Lopes,  que acompanhava a prova de carro, foi quem, com ajuda de amigos, socorrendo-o e levando-o para o Hospital Manoel Carola em Ponto de Cacimbas onde a mãe Flávia de Souza Dias já o esperava, avisada que foi pelo marido.

Marlon Dias foi atendido no Hospital Municipal Manoel Carola pelo médico Frank Pirola Fagundes.

Segundo informou Dr Frank para os pais de Marlon, o atleta teve uma fratura de punho e com isso já está fora da prova que participaria dia 10 de janeiro, em São Paulo.

"Faz parte", disse o pai de Marlon Lenilson. A mãe Flávia acompanhava tudo atentamente e enchia o filho de carinhos. Os pais são grandes incentivadores do Marlon que vem se revelando um excelente atleta do ciclismo.
  
Do Hospital Manoel Carola, Marlon foi levado para o Hospital Unimed em Campos dos Goytacazes. Já foi atendido pelo medido ortopedista Dr. Hugo que fez os procedimentos necessários para este tipo de ferimento e colocou uma tela gessada no braço do atleta.
Informação de que é bem provável que o atleta passe a virada do ano no hospital. Mas ele ficará bem, assistindo Tevê e será submetido amanhã a uma avaliação médica. "Se o punho não tiver com algum inchaço o médico poderá ,ainda, liberá-lo para passar o réveillon em casa".  A princípio o médico teria descartado a necessidade de cirurgia. 

Fotos de Ronaldo Brum




Cinco mortos e dois feridos em acidente na BR-356, entre Itaperuna e Natividade

(Fotos: Divulgação)

Gol e caminhão se envolveram num gravíssimno acidente no final da noite de domingo
acidente 3012 1 
Um grave acidente matou cinco pessoas–entre elas duas crianças no final da noite deste domingo (30/12), na BR-356, entre as cidades de Natividade e Itaperuna. O acidente envolveu um Gol, cujos integrantes moravam em Itaperuna, e  um caminhão com placa de Guarapari (ES).

Segundo a Polícia Rodoviária Federal(PRF), no trevo de Natividade, o motorista do Gol placa MQQ-2481, Aloisio Germano da Silva de 62 anos,  se deparou com outro automóvel parado prestes a fazer a travessia da rodovia.  Ele teria passado ao lado do outro veículo e tomado a sua frente, não percebendo que no sentido contrário trafegava o caminhão placa OJV-4317.  O Gol foi atingido de forma violenta e foi parar a cerca de 30 metros.

As vítimas fatais foram as seguintes:Aloisio Germano da Silva, 62 anos, Ivonique Germano da Silva, 35 anos, Lucas de Abreu Silva 17 anos, Gabriel de Abreu Silva, 12 anos, e Marcio, 3 anos.
Dois passageiros do Gol sobreviveram ao acidente, mas ficaram com ferimentos graves.
acidente 3012 2
acidente 3012 5

HOJE É ISSO QUE QUERO TE DIZER!

O último momento

O ano correu?
É a impressão que temos.
Ainda ontem parecíamos estar
preparando nossa lista
de boas resoluções para 2012
e eis que 2013 bate às portas.

Quantas coisas deixamos
para amanhã no início deste
ano que passou
e quantas jamais teremos
a oportunidade de realizar ainda
nesses últimos dias
que restam?

Cremos tudo controlar.
Só não controlamos a vida
e por maior que seja nosso amor,
não aprendemos ainda como guardar
pessoas definitivamente conosco.

Das coisas que deixamos
para o amanhã,
muitas jamais cumpriremos.
Não que os desejos mudem,
é que há situações que viram
como vira a noite
e muitas das coisas que perdemos
não sabemos recuperar.
Mas como saber?

Precisamos olhar para dentro
do nosso coração e rever
nossas prioridades,
pensar nas coisas essenciais,
ver se o que estamos deixando
para trás não corremos o risco de
perder definitivamente.

Se soubéssemos que amanhã
seria o último dia na nossa
caminhada na terra,
o que faríamos hoje?

Talvez fôssemos visitar
alguém que não vemos há muito,
pegaríamios nos nossos
braços alguém que amamos
como se esse abraço pudesse
durar toda a eternidade
e consertaríamos uma coisa
aqui e outra ali,
para não partirmos com
coisas pendentes...

Diríamos uma palavra amiga
para que se lembrem de
nós ou teríamos um último
gesto nobre.

Por que nos comportamos
como se fôssemos
viver eternamente e levamos
tudo tão a sério?

Por que brigamos,
magoamos,
nos sentimos magoados,
construímos muros,
se é tão mais simples viver?

Não é bom deixar para
o último momento
para consertar as coisas,
porque esse instante decisivo
pode não avisar quando
vai chegar.

Cada instante que chega é
o último momento
que temos e cada instante que
passa pode ser uma ou outra coisa:
ou ganhamos um espaço
a mais nos corações ou  perdemos
definitivamente uma oportunidade.

E o instante presente ainda
temos a escolha.

Talvez,
daqui a um ano teremos mais paz,
talvez não olhemos para
trás com o coração
apertado e a frase
"ah, se eu soubesse"
não nos doa.

Hoje ainda podemos escolher.


TEXTO DE: Letícia Thompson

Previsões 2013: na passagem de ano saiba o que o futuro reserva

Pai de santo Vavá de Odé joga os búzios e esbanja revelações

Fotos: Vagner Basilio / Estagiário

Pai de santo Vavá de Odé joga os búzios e esbanja revelações

 Anunciaram e garantiram que o mundo ia se acabar, mas o que vai acabar mesmo em 2013 é a vida velha para o surgimento de um novo ciclo, cheio de expectativas e transformações. E nessa passagem, quem não quer saber o que o futuro reserva? Segundo o pai de
santo Vavá de Odé, em entrevista concedida ao Site Ururau, o ano de 2013 será difícil em vários setores exigindo das pessoas organização para estarem bem espiritualmente, mentalmente e materialmente. 
Ele explica que o número 13, dentro da cultura Iorubá no culto de Ifá (jogo de búzios) e Opele Ifá, é o Odu Ologbon Meji, sob regência do rígido orixá Babaluê Nanã, que fala de renovação, transformações e modificações, assim como vida de autos e baixos, dificuldades, traições e vários tipos de problemas de saúde. O ano traz a combinação do Odum Owonrin, a 6ª casa de Ifá, mensageiro da morte e revelam casos em de morte, em maior evidência a partir do segundo semestre do ano. 
“É o ano de muitas mortes prematuras, no município haverá muitos jovens que irão morrer com o surgimento de uma nova droga injetável, com efeitos piores do que o crack. Haverá a perda de dois radialistas em Campos, um deles ligado a política e a mídia. A prefeita Rosinha Garotinho deverá tomar cuidado com a sua saúde, e seu marido, o deputado Federal Garotinho deverá ter atenção redobrada, pois poderá sofrer outro atentado”, disse Vavá.
E falando de política, em relação aos royalties de petróleo a guerra ainda não acabou. Os orixás revelaram que ainda haverá problemas entre políticos de outras capitais podendo chegar ao Supremo Tribunal Federal (STF). No sentido social, a prefeita de Campos precisará criar e expandir na área do turismo, tornando visível a cultura e as riquezas campistas, como por exemplo, o incentivo à visitação de igrejas, a manifestações populares como Jongo, Maculelê, Mana Chica do Caboio e as religiões afros. “É hora de acordar para o turismo, o que não significa só investir em show. O rio Paraíba poderá ser explorado para atividades turísticas”, sugeriu.
E os ânimos à flor da pele dos carnavalescos campistas agravados no momento da apuração? Quem estará na briga pelo campeonato? A previsão é que a guerra será acirrada e as energias são favoráveis às escolas de samba Ururau da Lapa, Mocidade Louca, União da Esperança e Onça do Samba, além dos blocos, Os Psicodélicos, União Feliz, Bois Pintadinhos, Boi do Canto Boi Janguá, Boi Cabrunco, Boi Beira Rio e Boi Brasil. 
“No mundo do samba, Campos irá perder uma grande personalidade e mudanças também deverão acontecer em relação aos desfiles. Um dos principais problemas a serem vistos pelos responsáveis é o fator da concentração das agremiações no Cepop”, alertou. 
Sabe aqueles ânimos dos carnavalescos? Os mesmos afligem os times de futebol de Campos, e segundo pai Vavá, se também não houver mudanças táticas e incentivos aos jogadores, não terão êxito durante o ano. Já no campeonato Brasileiro, o Fluminense poderá ser novamente o grande campeão, e caberá aos times Vasco e Botafogo o empenho para acirrar essa briga. O Flamengo ainda passará por um ano negativo.  
No Brasil, a previsão é que em 2013 aumentará o índice de doenças crônicas como o diabete e o câncer. A velhice também aumenta, assim como o aumento do custo de remédios genéricos, o que também se refletirá em Campos. Pai Vavá diz que Ministério da Saúde terá que fazer mudanças em relação a classe médica e de enfermagem, greves poderão acontecer. O mesmo alerta vai para o Ministério da Educação. A soja é um elemento sagrado da economia e estará entre os destaques dos produtos de exportação, assim como foi em 2012.  
“De acordo com os orixás, ainda virá muita coisa à tona em relação a políticos de Brasília e ministros poderão perder seus cargos. A negatividade também chega ao meio artístico. Apresentador, ator e atriz irão falecer e uma apresentadora de TV terá problemas relacionados à saúde e passará por grandes dificuldades. Haverá muitas separações de casais do meio e a modelo Gisele Bundchen irá engravidar. Um líder religioso terá problemas com a justiça e será desmascarado em 2013”, disse enfatizando que o governo da presidente Dilma Rousseff mostra fragilidade e um tanto confuso em sua ações e isso fará com que as mudanças e reestruturação aconteça. 
Já as previsões referentes ao mundo, terremotos e maremotos poderão ocorrer novamente no Japão, Filipinas, Quatemal, Peru, Bugalha e Romênia. Nos Estados Unidos poderá ocorrer atentado terrorista no metrô de Nova York resultante da morte do líder Osama Bin Laden. Poderá acontecer de acordar vulcão nas Ilhas Canárias. Ainda segundo pai Vavá, o presidente dos EUA, Barack Obama, será muito cobrado e poderá ser traído por membros de seu governo. Países do oriente médio continuam por não aceitarem acordos de paz. Um grande ator americano vai perder a vida vítima de câncer na garganta e um cantor também irá morrer. 
Em relação à astrologia a partir do dia 20 de março de 2013, será o momento em que acontece a nivelação das regências astrológicas. Essa influencia lunar dará lugar à Saturno, que no caso, é o planeta que correspondente ao Obaluaê (o senhor das doenças), um orixá rígido, da segurança, da responsabilidade e da transformação. O elemento desse ano é Terra favorecendo aos signos de Touro, Virgem e Capricórnio, porém este ano o signo de maior evidência é o de Escorpião, porque este é quem estará em Saturno em 2013. 
“O signo rege a sexualidade, período propício ao perigo dos sexos desregrados e doenças sexualmente transmissíveis. Essa mesma regência de 2013 é a mesma de 1987, quando surgiu o vírus da Aids e muitas outras doenças”, explicou ressaltando a integridade e sabedoria humana em se respeitar e respeitar o outro.

PERFIL
O pai de santo Vavá de Odé é Babalorixá do culto afro e Babalawo do culto Ifa-Orumilá. Etnólogo e pesquisador da cultura afro-nigeriana, pai Vavá é também professor da língua Yorubá, historiador, tarólogo, astrólogo e numerólogo.
Para consultas e previsões com o Babalorixá é só ligar para (22) 98918007 ou (22) 27389636. Você também pode agendar seu horário através do e-mail: vavadeode@gmail.com.

Virna Alencar / Estagiária

domingo, 30 de dezembro de 2012

Vereador troca terno e gravata por chapéu de palha e enxada

João dos Santos surpreendeu colegas em sessão na Câmara de Arapiraca.

Ele disse que a atitude é uma homenagem à antiga profissão.

Do G1 AL
Verador troca roupa social por de homem rural (Foto: Divulgação/ Assessoria) 
Vereador abandona terno e gravata em último dia de sessão na Câmara de Arapiraca e volta a ser agricultor.
(Foto: Cláudio Roberto/Vc no G1)
 
O vereador de Arapiraca João dos Santos (PMDB) se comportou de forma inusitada no encerramento de seus trabalhos legislativos na última quinta-feira (27). Surpreendendo os vereadores presentes, ele quebrou o protocolo na última sessão ao retirar a roupa social que vestia e trocá-la por uma que lembra a de sua antiga profissão de agricultor.
É tradição dos políticos retirar o paletó e a gravata para deixá-los no encosto da cadeira. Mas, João dos Santos foi além. Retirou o sapato e calçou uma galocha, pegou uma enxada e uma cesta de cipó. Ele disse que estava vestido como um homem do campo.
Santos explicou aos colegas que sua atitude era simbólica, uma vez que estava deixando a roupa de trabalho para o seu sucessor, Sérgio do Sindicato (PPS), que foi apoiado por ele e também foi seu assessor parlamentar.
“Quando cheguei aqui, há oito anos, vim na condição de agricultor, porque ocupava a presidência do Sindicato dos Trabalhadores e logo que retomei posse e assinei o livro, deixei de ser um agricultor para ser um político. Hoje, faço o inverso, deixo a vida pública nesta Casa, para retornar às minha origens como presidente de uma entidade de classe”, disse o vereador.
João dos Santos ainda disse, ao deixar o plenário, que não estava faltando com respeito aos demais vereadores presentes ou mesmo quebrando o decoro, pois estava fazendo um gesto simbólico ao tirar a roupa que usou como parlamentar durante oito anos.
O vereador, que não concorreu nas últimas eleições, permanece na Câmara Municipal de Arapiraca até o próximo dia 31.

Vídeo mostra briga entre vereadores durante sessão em Criciúma, SC

Vereadores trocaram socos, pontapés e empurrões e PM precisou intervir.

Sessão foi na noite deste sábado (29) durante votação de projeto de lei.

Géssica Valentini Do G1 SC, com informações da RBS TV
Durante uma sessão da Câmara Municipal de Criciúma, no Sul de Santa Catarina, vereadores trocaram socos, pontapés e empurrões (veja o vídeo). A Polícia Militar (PM) precisou intervir por volta das 18h30 deste sábado (29).
O motivo da discussão foi a votação do Projeto de Lei 137, encaminhado pela Prefeitura Municipal. De acordo com o Projeto, a Prefeitura pediu o parcelamento de uma dívida de R$ 7 milhões ao Criciúma Prev, o Instituto de Seguridade Social dos Servidores Municipais de Criciúma. A primeira sessão extraordinária foi no dia 26 de dezembro, mas foi cancelada pelo presidente da Câmara, Antônio Manoel (PMDB), pois houve tumulto.

No dia seguinte, dia 27, uma nova sessão foi marcada e a Polícia Militar foi convocada para inibir uma possível manifestação entre os servidores, contrários a aprovação do parcelamento, e os vereadores, que precisavam votar o projeto. A sessão foi cancelada novamente e remarcada.
Briga de vereadores de Criciúma (Foto: Reprodução) 
 
Vereadores brigaram durante sessão em Criciúma
(Foto: Eduardo Amador)

Neste sábado (29), o presidente da Câmara estava ausente. Já o secretário, Vanderlei Zilli (PMDB), que deveria presidir em seu lugar, não foi convocado. Assim, o vereador mais votado, Edison do Nascimento (PSD), presidiu a sessão. A oposição questionou a presidência, alegando não haver uma legislação específica que apontasse que o vereador mais votado deve presidir a Câmara. 

Enquanto Edison do Nascimento lia o projeto, o vereador Douglas MatTos (PCdoB) rasgou o documento. Por sua vez, Edison continuou a leitura de uma cópia, enquanto os vereadores João Fabris (PMDB), Izio Inácio Hulk (PSDB) e Douglas Mattos (PCdoB) trocavam socos, pontapés e empurrões.  
De acordo com comandante da PM Márcio Cabral, os policiais foram chamados para inibir uma possível manifestação entre servidores e vereadores e não esperavam a discussão entre os membros da Câmara. "Foi algo totalmente inusitado. Felizmente não houve lesões, apenas tentativas de agressão e discussões, mas não esperávamos essa reação", afirmou Cabral. A votação foi encerrada com a aprovação do projeto. Porém, a oposição questiona a validade da sessão. 

Ainda conforme o comandante, a PM fará uma relatório que será encaminhado à 6ª Região de Polícia, mas o caso deve ser investigado internamente, na Câmara Municipal. Até as 20h deste sábado (29), nenhum vereador havia registrado Boletim de Ocorrência.

SP teve 135 apostas sorteadas com prêmios da Mega-Sena na história

Roraima e Amapá nunca receberam premiação em rateios da loteria.

Minas Gerais e Rio de Janeiro são os dois outros estados mais 'sortudos'.

Do G1, em São Paulo
Mega Sena da Virada 2012-2013 - loteria (Foto: Fábio Tito/G1) 
Volante da Mega Sena da Virada do concurso de
2012 (Foto: Fábio Tito/G1)
 
São Paulo é o estado que teve mais apostas da Mega-Sena contempladas na história da loteria. Foram 135 vezes, segundo a Caixa Econômica Federal (CEF). Minas Gerais aparece em seguida com 51 apostas vencedoras. Rio de Janeiro vem em terceiro com 44 'sortudos'.
Roraima e Amapá foram os dois únicos estados que nunca tiveram apostas vencedoras, ainda de acordo com o levantamento da CEF.
O sorteio do concurso 1.455 da Mega da Virada será realizado às 20h desta segunda-feira (31) e o prêmio estimado é de R$ 230 milhões, considerado o maior da história da loteria.
Veja a lista completa dos estados 'sorteados'
SP     MG   RJ     PR    RS     DF     SC    BA    PE    CE   GO   ES   RN    MS
135 51 44 37 24 22 17 17 17 14 12 10 8 8     
PB RO MT PA AM MA SE PI AL AC TO RR AP
6 6 6 6 5 4 4 4 2 1 1 0 0
 
 Números mais sorteados
Os dez números mais sorteados na Mega-Sena, desde a sua criação, são 5, 33, 54, 51, 43, 53, 4, 24, 29 e 17.

Segundo levantamento da CEF, o número 5 foi contemplado 177 vezes; o número 33 foi sorteado 163 vezes; o 54 saiu 162 vezes; o número 51 apareceu 161 vezes; o 43 saiu 160 vezes; a dezena 53 saiu 160 vezes; o 4 foi sorteado 159 vezes; o número 24 foi contemplado 158 vezes; seguido do 29, que saiu 158 vezes e o 17, que saiu 157 vezes.
A CEF informou ainda que número 10 já foi sorteado em dois sorteios de Mega da Virada,  em 2009 e 2010.

Na poupança
O prêmio recorde de R$ 230 milhões pode ter rendimento de R$ 32 mil por dia se aplicado na poupança, segundo cálculo feito pela CEF. O rendimento mensal pode passar de R$ 982 mil na mesma aplicação.

Segundo a CEF, foram arrecadados até esta sexta-feira (28) quase R$ 409 milhões para o concurso especial, com mais de 386 milhões de bilhetes. A previsão é que sejam arrecadados mais de R$ 600 milhões, o que pode elevar ainda mais o prêmio principal.
Com o valor total do prêmio, o novo milionário poderá comprar quase dois mil carros de luxo ou 460 imóveis de R$ 500 mil cada.
A Mega da Virada não acumula. Se não houver ganhadores na faixa principal, o prêmio será dividido entre os acertadores da Quina e assim por diante.
 
Veja abaixo as dez maiores premiações da Mega-Sena:
Até esta sexta-feira, as três maiores premiações foram oferecidas durante concursos da Mega da Virada. A primeira da lista saiu em 31 de dezembro de 2010 (R$194.395.200,04), a segunda foi no último dia de 2011 (R$177.617.487,62) e a terceira foi em 31 de dezembro de 2009 (R$144.901.494,92).

Concurso Data Apostas Premiação Cidades
1245 31/12/2010 4 R$194.395.200,04 Cariacica (ES), Belo Horizonte, Fazenda do Rio Grande (PR) e Pinhais (PR)
1350 31/12/2011 5 R$177.617.487,62 Belém, Brasília, Carmo do Cajuru (MG), Mauá (SP) e Russas (CE)
1140 31/12/2009 2 R$144.901.494,92 Brasília e Santa Rita do Passa Quatro (SP)
1220 06/10/2010 1 R$119.142.144,27 Fontoura Xavier (RS)
1211 04/09/2010 7 R$ 95.522.954,23 Rio de Janeiro, Botucatu (SP), Manduri (SP), Osasco (SP), Praia Grande (SP), Ribeirão Preto (SP) e São Paulo
1295 25/06/2011 1 R$ 73.451.540,26 Santo André (SP)
1157 27/02/2010 4 R$ 72.718.776,04 Brasília, Conselheiro Lafaiete (MG), Jundiaí (SP) e São Paulo
1276 20/04/2011 2 R$ 71.408.606,06 São José dos Pinhais (PR) e Limeira (SP)
188 10/10/1999 1 R$ 64.905.517,65 Salvador
1315 31/08/2011 1 R$ 63.981.675,84 Aracaju
Como apostar na Mega-Sena
As apostas podem ser feitas até as 14h (horário de Brasília) do dia 31 de dezembro. O preço da aposta simples é de R$ 2 e, este ano, pela primeira vez, é possível fazer apostas na Mega da Virada com o Bolão. O valor mínimo é de R$ 10 e cada cota deve ser de, no mínimo, R$ 4.

Bolão
O apostador também pode decidir comprar sua cota de um bolão organizado pela própria lotérica e, nesse caso, poderá pagar uma tarifa de serviço de até 35% do valor da cota. O bolão deve ter no mínimo 2 e no máximo 100 cotas, sendo uma excelente oportunidade para concorrer em conjunto e aumentar as chances de ganhar.

Depois de um dia sem médicos, Manoel Carola voltará a normalidade

Casos de emergência que chegaram na unidade em SFI foram para Campos
Casos de emergência que chegaram na unidade em SFI foram para Campos

 Depois de ficar sem atendimentos médicos durante este sábado, o Hospital Manoel Carola em São Francisco de Itabapoana volta a ter seu atendimento regularizado neste domingo (30/12), foi o que garantiu em contato por telefone o chefe de Gabinete do Prefeito Frederico Barbosa Lemos, João Carlos Costa Azul.

A população que procurou a unidade hospitalar neste sábado não recebeu atendimento e segundo Costa Azul, duas médicas estavam escaladas para trabalhar no plantão, sendo que uma delas, identificada como doutora Natália teria tido um problema de saúde, e, portanto, faltado. "Já a outra, a doutora Iracema ficou temerosa quanto ao volume de atendimentos que teria que fazer sozinha", disse Costa Azul. 
"Para este domingo o plantão terá três médicos que serão o doutor Leonardo Copo, Frank Pirola e Robson Willian e funcionará normalmente. Inclusive os plantões dos dias subsequentes também estão definidos e o hospital não voltará a ficar sem atendimento. O sub procurador, doutor Bruno, vai tomar as providências junto ao Ministério Público ".

Escala dos médicos de plantão:

Domingo, 30-12,  Dr Leonardo Coppo Lima, Frank Pirola Fagundes e Roson Willian.

Segunda Dia 31-12,  Dr José Eraldo,.

Terça Dia 01- 01-13,  Dr  Ilze Jerônimo, Leonardo Coppo e Frank Fagundes...
 
 Quarta Dia 02-01-13, Dr Hellem Leite, Iracema Rocha, Fernanda Gomes e Luiz Alberto.
Ururau

Jovem grávida morre e família faz denúncia de negligência médica

Feto de oito meses teria ficado cerca de cinco dias morto na barriga

Mauro de Souza

Feto de oito meses teria ficado cerca de cinco dias morto na barriga

 Uma jovem grávida de oito meses faleceu no início da madrugada desta sexta-feira (28/12), por volta das 00h20, após ficar cerca de 10 dias internada no Hospital dos Plantadores de Cana (HPC), em Campos. De acordo com a mãe da gestante, Josinete Matos de Souza, de 42 anos, o feto teria morrido no último domingo (23/12) e não foi retirado da barriga da filha.
Segundo Josinete, Francinete de Souza Peixoto, de 20 anos, passou mal no domingo (16/12), sendo atendida primeiramente no Posto de Urgência (PU), em Guarus e encaminhada em seguida para o HPC.
“Eles deram uma injeção nela e a liberaram para casa. Mas minha filha continuou com a dor embaixo da barriga e febre e retornou para o hospital às 20h. Na terça (16/12), ela ficou na enfermaria e depois de um exame, disseram que estava com infecção urinária. Na quarta (17/12), ela estava com falta de ar e depois de um exame de raio X, eles a levaram para o Unidade de Tratamento Intensivo (UTI)”, disse a mãe chorando e muito abalada com o fato.
A prima da vítima, Jane de Matos Gomes, revelou que antes de ir para a UTI, Fracinete teria ficado na sala de pré-parto e chegou a fazer exames de toque. 
“Ela ficou quase uma semana na UTI e depois que o feto morreu , eles disseram tinha que esperar 24h para o corpo dela expulsar. Acho isso uma discriminação, porque se tivéssemos dinheiro para fazer uma cesariana, a criança poderia estar salva e perfeita”, afirmou Jane, completando que todo o enxoval já estava pronto a espera da menina Mike Kelly.
A mãe, Josinete disse ainda que o feto teria ficado cerca de cinco dias morto dentro da barriga da filha que faleceu na madrugada desta sexta (28/12).
“Minha filha morreu às 00h20 e só às 11h me ligaram e disseram para trazer os documentos dela e que Deus me abençoasse. Ela entrou lá andando e conversando comigo. Eu queria minha filha de volta”, completou em lágrimas.
No atestado de óbito expedido pelo hospital, consta como causas da morte da vítima, colapso circulatório, sepsemia, síndrome desconforto respiratório e aborto espontâneo.
O diretor clínico do Hospital, Fernando Azevedo, comentou o caso com base no relato dos médicos que atenderam a paciente, já que o prontuário se encontra na administração que está em recesso por causa do feriado de Ano Novo.
 “Ela foi internada no hospital no domingo (16/12) e encaminhada para a maternidade com o histórico de uma febre a esclarecer. Foi internada para fazer os exames necessários e tentar identificar a causa. No princípio foi uma febre originária de uma infecção urinária, onde ela tinha uma queixa semelhante, de muita dor lombar, mas os exames mostraram que não. O que aconteceu é que ela desenvolveu um quadro respiratório grave, provavelmente origem da infecção dela. O quadro foi se agravando e ela foi encaminhada para a Unidade de Tratamento Intensivo. O quadro dela se complicou muito rápido, com insuficiência respiratória grave e precisou ser entubada.”
O médico disse ainda que quando a jovem deu entrada na unidade o bebê estava com vida e morreu quando Francinete já estava no CTI, com a situação agravada devido a insuficiência que evoluiu para infecção generalizada e após falência de múltiplos órgãos.
De acordo com Jane, a família registrou o boletim de ocorrência na 134ª Delegacia Legal (Centro) e irá aguardar o laudo do Instituto Médico Legal (IML) para depois tomar as providências necessárias.
O corpo de Francinete será sepultado no cemitério de Travessão.

Ururau

'Bravo Goyta' faz sucesso e novos projetos devem surgir em 2013

Empresa Bravo tem resultado positivos e começa a receber propostas

Ururau / Divulgação

Empresa Bravo tem resultado positivos e começa a receber propostas

 Uma idolatria que não se compra, mas se conquista pela confiança e fidelidade de estar junto nas horas de alegrias e decepções. Assim, o amor por um time de futebol começa desde a idealização de sua camisa, aquela que será honrada pelos jogadores, e embalada de presente para um pai de família fazer perpetuar sua paixão.
Pensando nisso, uma empresa de marketing lançou moda e uma nova camisa do Goytacaz com suas tradicionais cores e com estilo e de forma inovadora, vem conseguindo comunicar com o torcedor a história do clube que comemora o centenário.
A ideia partiu de campistas, jovens do mundo da moda, bem sucedidos e erradicados na capital carioca que se entusiasmaram com a brava ideia de se aventurarem e ‘lançar moda’ com um produto oficial do Goytacaz Futebol Clube.
Um ano depois do processo de negociação com o clube, assinatura de contrato, pagamento antecipado dos royalties e produto na vitrine veio o resultado que trouxe sucesso total e novas propostas que podem se desdobrar em 2013 em novos materiais para o próprio clube alvianil e seus torcedores, além de outros clubes, que interessados, já estão em busca de parceria. Pelo menos três novos projetos estão em linha de curso.
Aos 27 anos, parte destes vividos no Rio de Janeiro, onde tem empresa e sociedade, Sérgio Barbosa, designer, e Gustavo Machado, publicitário, se associaram a outro parceiro, o jornalista Léo Púglia dando início ao projeto ‘Bravo Goyta’, que se tratava muito mais do que a produção de uma camisa comemorativa ao centenário do clube. 
“Conceitualmente moda é o produto com a comunicação. Vale destacar que é um projeto independente sem investidor, pois nós é que apostamos e colocamos a mão no bolso, licenciamos a marca e pagamos antecipadamente os royalties ao clube. A camisa virou um item dentro do conteúdo com toda uma contextualização e foi preparado um catálogo. Primeiro a gente lançou o jornal on line ‘Bravo Goyta’, contando a história do clube com conteúdo jornalístico, com o trabalho do jornalista Léo Púglia, que também é de Campos, preparamos a fanpage no facebook e fomos chamando a galera que foi se engajando com o projeto. Com isso produzimos um catálogo, fotos. Era para ser uma coisa sucinta, mas ganhou uma complexidade com a entrada de amigos, um produtor de moda, outro fotógrafo que faz vídeo, montamos um cenário e fizemos um roteiro”.
O projeto ganhou moldes femininos que historicamente estão ligeiramente associadas ao futebol, mas na maioria das vezes o tem como grande vilão no relacionamento dentro de casa. “É um cenário dominado pelos homens, mas onde quem manda são as mulheres. O cara vai escutar o jogo no rádio e não tem essa de mandar a mulher ficar quieta para não atrapalhar, muito pelo contrário, não tem machismo. É uma crítica social contando toda essa história, de forma divertida”.
A foto novela surgiu da associação da história alvianil à paixão do jornalista Léo Púglia por Nelson Rodrigues. “Na verdade pegamos ideias estéticas e temáticas do Nelson Rodrigues e trabalhamos com o ensaio antes mesmo de escrever o texto que nasceu de forma natural. Ampliamos e democratizamos essa paixão com o papel da mulher na sociedade e no contexto do futebol e na moda com o toque feminino, deixando de ser o clube do bolinha”, enfatizou Léo Púglia.
O jornal foi todo produzido com enfoques coloquiais de cada uma das épocas em que a história centenária do clube é contada.
Segundo Sérgio Barbosa, o produto atende ao desejo das crianças e jovens que não tiveram a oportunidade de ver o time do coração na disputa da elite do futebol carioca, além de ser uma nova opção para os adultos. “Essa é uma história que merece ser contada”, diz Sérgio que teve a primeira ideia quando foi comprar a camisa do clube que torce, no Rio de Janeiro.
“Não encontrei o que verdadeiramente gostaria. O que procurava não era a camisa oficial de jogo e nem retrô, e o que achei não tinha uma malha tão bacana e não atendia meu anseio, como acontece com essa do Goytacaz que é incrível. A proposta é de se usar casualmente um material lindo e de muita qualidade, e estar bem vestido. Se os times grandes muitas vezes não tem uma camisa bacana, o que dizer dos menores?”.
A edição é limitada e está sendo vendida na loja Riviera, no 2º piso do Parquecentro, em Campos. Foram confeccionadas 120 azuis e 80 brancas. “A Bravo Goyta é o carro chefe para uma série que podemos estar lançando. Do centenário são só as 200 mesmo”.
TORCEDORES ABRAÇARAM O PROJETO
“Foi um crescimento orgânico, não precisamos correr atrás dos torcedores, no momento em que iam descobrindo foram indicando e se aproximando da gente através do facebook. A gente pensou no trabalho de comunicação através de uma estratégia, mas o crescimento foi extraordinário e muito pela participação no facebook da Brava F.C., que hoje tem quase 3000 seguidores em período muito curto”, reforçou Gustavo Machado que ainda destacou: “Como iniciamos a página com o produto do Goytacaz, a maior parte dos seguidores são torcedores do Goytacaz”.

Léo Púglia lembra ainda que através do próprio facebook seu trabalho de pesquisa foi facilitado, pois notícias eram postadas, e novas informações chegavam, depois de discussões e até mesmo perguntas passaram a ser enviadas para a Bravo F.C., que indiretamente passou a servir de fonte de informações relacionadas ao centenário Goytacaz. “Surgiam dúvidas, pesquisamos e respondíamos”.
“As pessoas se engajaram no projeto principalmente pelo conteúdo e não somente pelo produto, que na verdade virou um item dentro de toda a campanha. O produto só foi anunciado depois. Esse é um projeto 360º, pois conseguimos fisgar as pessoas de diversas formas. Para nós o Goytacaz é grande e posso afirmar que não existe outro clube no país que tenha esse material”.

Para o projeto “Bravo Goyta” foram trabalhados diversos detalhes que deram ao produto principal uma beleza que o torcedor alvianil ainda não conhecia. “A camisa é exclusiva da etiqueta que foi feita pelo melhor fornecedor que temos. A camisa é 100% nacional, da etiqueta, passando pelo tecido ao último acabamento e embalagem. O azul é fiel ao do clube. Esse é o azul royal clássico, que os torcedores chamam de anil, que é uma conotação da cor e historicamente conhecido. O acabamento também é todo especial e a etiqueta específica do projeto. A embalagem é especial, toda pensada e feita sob medida. É um produto lacrado que faz o torcedor se sentir valorizado”.
Os responsáveis pelo projeto destacam que o mesmo atende a todas as idades, crianças, adolescentes e adultos. Um terceiro modelo, onde foram associadas as cores azul e branco pode vir a ser lançada. “Quem sabe?”.
O ator Tonico Pereira recebeu das mãos de Gustavo Machado duas camisas. “Liguei para ele e nos encontramos e disse que pode pintar no programa com as camisas, até porque atende ao padrão, sem patrocinadores e nomes. Outro que ficou amarrado foi o ator Nizo Neto, filho do Chico Anysio, que revelou não gostar de futebol, mas sim do Goyta, clube pelo qual sempre teve simpatia.
Os responsáveis pelo projeto comemoram o resultado e prospectam um futuro de sucesso. “Temos uma relação antiga de criança com o Goytacaz e temos o prazer de dizer que começamos com o Goytacaz. Qual clube tem um projeto com esse produto, com essa comunicação?”, finalizou Gustavo Machado.
Ururau